Animais Dicas Canis & Gatis Parques Zoos Clínicas Lojas Hotéis
Tarântulas invadem habitações em Quennsland
2009-05-11 » Austrália
Não é vulgar acontecer e pode estar relacionado com factores climáticos, mas está a deixar os habitantes de pequenas cidades australianas, principalmente na zona de Bowen e Townsville, com os cabelos em pé. Nas últimas seis semanas, muitas tarântulas da espécie Phlogius crassipes, conhecidas como tarântulas do Leste ou aranhas assobiadoras, estão a invadir as zonas húmidas das habitações, caves, cozinhas e, principalmente, as casas de banho, para além dos jardins.

Segundo alguns especialistas, o principal motivo para este surto podem ser as grandes chuvadas das últimas semanas, conjugado com o facto das aranhas estarem em período de reprodução e procurarem assim lugares mais tranquilos para acasalar.

Os australianos têm, na sua grande maioria, pânico destes animais, já que no seu país existem algumas das aranhas mais venosas e letais para os humanos. Isto não acontece com a espécie de que trata esta notícia. No entanto, uma picada de uma destas tarântulas local provoca dores fortes e inchaço da zona de contacto e, durante algumas horas, as vítimas ficam com dores de cabeça e vómitos. Os animais de menor porte, principalmente os domésticos, podem não conseguir resistir a uma picadela de uma destas aranhas, que se podem alimentar de pequenos mamíferos, répteis de pequeno porte, ou mesmo de pequenas aves que frequentemente capturam.

Para minimizar o pânico, as autoridades locais disponibilizaram algumas equipas de profissionais peritas em lidar com animais venenosos, para atenderem aos pedidos de socorro de todos aqueles que os contactarem, evitando assim que os moradores matem os animais ou, por outro lado, possam ser feridos por estes.
O especialista do Museu de Quennsland, Dr. Robert Raven, espera que rapidamente as aranhas voltem às suas tocas e deixem de ser um problema para os moradores, mas sempre vai avisando que, entretanto, devem ser tomadas precauções, especialmente quando se for fazer jardinagem.
Notícias
Abelhas-africanas matam no Brasil
Brasil
Nos últimos dias, pelo menos duas pessoas terão morrido no Brasil, após serem picadas por abelhas-africanas. Em ambos os casos, as vítimas estavam a trabalhar quando foram atacadas, depois de inadvertidamente terem provocado a fúria destes terríveis insectos.
Pizza com ingrediente sazonal
Austrália
Foi esta semana notícia recorrente: uma praga de gafanhotos invadiu grande parte do território do estado de Queensland, na Austrália. Como sempre acontece em situação de crise, existe quem consiga pegar num problema e transformá-lo num caso de sucesso.
Joaninhas invasoras alarmam autoridades
Grã-Bretanha
Uma espécie de joaninha invasora, conhecida na Grã-Bretanha por joaninha-asiática ou joaninha-harlequim (Harlequin succinia), está a lançar o pânico entre os investigadores, que vêem as espécies autóctones serem postas em risco por esta espécie invasora, que está a chegar rapidamente aos quatro cantos das Ilhas Britânicas.
Traficante de tarântulas detido
Suiça
Um suíço foi detido por fazer contrabando de tarântulas, viajando na sua viatura entre a Alemanha e a Suiça. Tudo começou com uma operação ocasional de tráfego entre os dois países na alfândega de Lörrach, no sul da Alemanha.
Criança morre depois de ser atacada por abelhas
Brasil
Uma brincadeira entre três crianças, que decidiram ir apanhar frutos silvestres, acabou em tragédia, quando uma delas foi atacada por mais de mil abelhas, numa zona rural perto da cidade de Botucatu, estado de São Paulo.
Parques
Clínicas

Clínica Veterinária Medianeira

Rio Grande do Sul, Brasil

Veterinária Santa Tereza

Espírito Santo, Brasil

Lojas

Cãofusão e Cia

São Paulo, Brasil

João Silva Cristo

Coimbra, Portugal

Hotéis

Cold Village

Viana do Castelo, Portugal

Sítio da Roda D`Água

São Paulo, Brasil